Agende sua consulta
(11) 2597-3340 ou (11) 98464-9697
Avaliação Funcional do Equilíbrio Corporal e do Andar
COMO AVALIAR O EQUILÍBRIO CORPORAL E O ANDAR?
Os distúrbios do equilíbrio corporal e do andar são indicadores cruciais do estado e da progressão de declínios do sistemas sensório-motor-cognitivos. Portanto, a análise do andar é essencial tanto para fins de diagnóstico e tratamento como, por exemplo, monitorar os efeitos da medicação, da fisioterapia e da progressão da doença.
 
Nós avaliamos o equilíbrio corporal e o andar, por meio de testes clínico-funcionais e sensor inercial em diferentes contextos sensório-motor-cognitivos que podem desencadear tontura/vertigem e desequilíbrio corporal. Esse exame permite avaliar: vários parâmetros do equilíbrio corporal e os parâmetros do andar com e sem movimentos da cabeça, contornar obstáculos, subir e descer degraus, corrida, andar em terrenos irregulares e dupla-tarefa.
 
Além disso, por meio do sensor inercial que é posicionado na região sacral (final da coluna), identificamos a velocidade do andar, o comprimento do passo e da passada, o número de passos, o tempo das fases de apoio e balanço, a propulsão, o índice de simetria entre os lados direito e esquerdo, e dentre outros parâmetros.
QUANDO INDICAR?
Essa avaliação é importante, especialmente, para as pessoas idosas com vertigem e/ou distúrbios do equilíbrio corporal e/ou doenças neurológicas periféricas e/ou centrais.

Essa avaliação nos auxilia no diagnóstico de distúrbio do equilíbrio corporal e do andar, na predição do risco de quedas, na indicação de dispositivos de auxílio para o andar (EX.: bengalas e andadores) e no programa de reabilitação físico-funcional.